Cirurgião Plástico Marcio Grave oferece coquetel que celebra um ano de atendimentos em Joinville

Para celebrar seu primeiro ano na cidade, o cirurgião plástico Marcio Grave (CRM-SC 19261 – RQE 10924) realiza evento para pacientes e convidados. O coquetel ocorrerá no dia 07 de maio, a partir das 19:30h, na Clínica Azulay&Zanella.
 
Pós Graduado em cirurgia plástica, cirurgião plástico pelo MEC/Ministério da Saúde e pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, Dr. Marcio Grave é um exemplo de especialista que chega ao município com experiência na área, com mais de 1352 casos operados. Marcio Grave fez toda sua especialização no Rio de Janeiro, considerada a capital mundial da Cirurgia Plástica. Trouxe para Joinville toda seu conhecimento obtido no Rio de Janeiro, principalmente em cirurgia estética do nariz, face e lipoaspiração a laser, ou laserlipólise, técnica cirúrgica na qual a gordura é seletivamente liquefeita preservando vasos, nervos e músculos. Esta última técnica traz recuperação mais rápida, com menos edema, menor perda de sangue e menos dor no pós operatório.
 
Nos últimos anos, o perfil de Joinville tem se transformado. Além de polo industrial, os setores turístico, cultural e da medicina têm se destacado. Seja por motivos de saúde, ou por estética, o mercado da cirurgia plástica também cresce na cidade, atraindo profissionais qualificados. Junto com eles, além das técnicas comprovadas, vêm as novidades. “Definitivamente, os joinvilenses me receberam de braços abertos. Esta comemoração é para celebrar isto. Brindar à sociedade joinvilense”, destaca o cirurgião.
 
Evento diferenciado
Os convidados para o evento do dia 7 de maio serão recepcionados com champanhe francesa. O coquetel foi especialmente preparado pelo D’Marcos Buffet. Músicos instrumentistas farão a ambientação do evento e o bolo será preparado pelo cake designer Daniel Damazio.
 
Convite_Comemoracao_AZ
 
 
 Serviço:
O quê: coquetel de 1 ano do dr. Marcio Grave em Joinville

Quando: 07 de maio, às 19:30h 

Local: Clinica Azulay & Zanella

 
 
 

E aí, o que achou? Deixe seu comentário: