OMUNGA Grife Social visa gerar impactos sociais na área da educação por meio do empreendedorismo social.

OMUNGA Grife Social atua para potencializar a capacidade das crianças de construírem um futuro com liberdade e autonomia por meio da educação. Para isso, desenvolve ações que possibilitam o engajamento de pessoas e empresas para atitudes transformadoras.

Oficializada em 2013, com sede em Joinville (SC), a OMUNGA Grife Social é uma empresa social que reinveste todo o seu lucro para gerar impacto social positivo por meio da educação. A arrecadação de fundos acontece dentro dos parâmetros dos negócios sociais, um setor em alta no Brasil, empresas que oferecem, de forma intencional, soluções escaláveis para problemas sociais para população de baixa renda.

A métrica de atuação é por meio da construção de bibliotecas e capacitação de professores de forma contínua em regiões de extrema carência social. Regiões isoladas, remotas e com indicadores (Índices de Desenvolvimento Humano – IDH, Índice de Vulnerabilidade Social – IVS, Índice de Desenvolvimento da Educação Básica – IDEB) em patamares extremos. Cidades e povoados onde pouca ou nenhuma organização social atua.

São dois os primeiros projetos em andamento desenvolvidos pela OMUNGA: “Escolas do Sertão” (Piauí – Brasil), com duas bibliotecas inauguradas em 2013, e “Livros para África” (Angola), previsto para inaugurar outras duas bibliotecas no segundo semestre de 2017. Os dois projetos beneficiam 6.000 crianças e 300 professores, entre brasileiros e africanos. Brevemente, a OMUNGA Grife Social estará também na Amazônia e em Joinville.

A grife social joinvilense é uma das precursoras no segmento do empreendedorismo social no estado de Santa Catarina, engajando parceiros para o desenvolvimento de produtos, gestão de processos, articulação e transparência, com foco em resultados para ser autossustentável. Desvinculando-se da filantropia tradicional.

A OMUNGA Grife Social conta ainda com um forte time de parceiros como Exit Comunicação e Negócios, FAZdesign, Público Digital, Organo Contabilidade, Stagio Marcas e Patentes e Conta Azul. Além de uma equipe de voluntários, conselheiros e mentores de diversos setores como advogados, designers, educadores, administradores, consultores de moda e outros empreendedores sociais.

Para viabilizar seus projetos a OMUNGA aposta também no consumo consciente, principalmente, de camisetas. No entanto, em datas especiais como Páscoa e Natal, lança produtos sazonais como Panetones e Colomba de Páscoa. São produtos de alta qualidade, preços acessíveis e que representam grande poder de transformação.

Omunga é uma expressão do dialeto africano “umbundo” que significa união, unidade, conjunto.

COLOMBA PASCAL OMUNGA

Páscoa com sabor e transformação social: Colomba Pascal OMUNGA

Nova fonte de receita para a grife social que desenvolve ações de educação no Brasil e África

Um propósito que tem identificação com o sentido de renascimento da Páscoa e com a lenda da Colomba Pascal. Acredita-se que em tempos remotos o Rei Lombardo Alboino, raivoso com os problemas da guerra, se acalmou e desistiu de uma ação vingativa após ganhar de um padeiro de Pavia, interior da Itália, um doce em forma de pomba, que preconizava a paz. Era a Colomba e, por ser época da Pascoa, intitulou-se Colomba Pascal.

2017 é o ano de voltar a crescer! E a OMUNGA Grife Social faz uma grande estreia. O lançamento da Colomba Pascal OMUNGA. Uma receita exclusiva, recheada com tradição e propósito. A produção está sob a responsabilidade da Confeitaria Amor e Canela, uma das mais conhecidas em Joinville, e vem nos sabores chocolate e frutas. O prazo de validade é de dois meses. Cada unidade de 500 gramas custa R$ 24,90. De acordo com o empreendedor social Roberto Pascoal, fundador da OMUNGA, a ideia é aproveitar o conhecimento acumulado nos últimos três anos com a venda de Chocotones no período natalino e ampliar as fontes de receita.

Atualmente a Colomba Pascal além de paz, é promessa de renascimento para as ações da OMUNGA Grife Social. Depois de um 2016 difícil economicamente, a meta é retomar os projetos que ficaram parados. Para isso, serão realizadas, até o final do ano, quatro ações pontuais para levantamento de fundos: lançamento e venda da Colomba Pascal OMUNGA, lançamento da nova coleção de camisetas (Coleção Mude Uma História), promoção de um evento/palestra, além do lançamento e venda dos esperados Chocotones OMUNGA, em dezembro. Assim, será possível inaugurar a biblioteca de Angola, que estava prevista para o ano passado dentro do projeto Livros para África, e também retomar os cursos de formação de professores do projeto Escolas do Sertão. “A construção de bibliotecas e a formação contínua de professores em regiões de extrema vulnerabilidade social, como o sertão do Brasil e a África (Angola), é a razão de ser da OMUNGA”, enfatiza Pascoal. Efetivar o Instituto OMUNGA, que terá sede em Joinville/SC, é outra meta do empreendedor. “E tem ainda o lançamento do terceiro projeto/protótipo que será um divisor de águas. O projeto OMUNGA na Amazônia e o projeto OMUNGA em Joinville que fortalecerá nossa história com a cidade.” 

 A meta é vender 5 mil unidades. Nos meses de novembro e dezembro de 2016, foram comercializados 5.023 Chocontones que resultou numa receita bruta de R$ 104.980,70 e um resultado líquido de R$ 41.221,93. Esses recursos foram destinados para as despesas administrativas da OMUNGA Grife Social, móveis para a biblioteca de Angola, financiar as colombas de Páscoa, além de pagamentos em atrasos de fornecedores e reposição  do fluxo de caixa da grife social que havia sido comprometido pela baixa de venda em 2016.

A venda acontece em empresas parceiras da OMUNGA Grife Social que possibilitam ações promocionais, principalmente com possibilidade de desconto em folha de pagamento. Valendo o objetivo de ir contra a ideia de captação de recursos de forma tradicional, tal como doações ou patrocínio de projetos. Mas potencializar ocasiões onde os recursos são provenientes pelos produtos com propósito, por conta de nossa causa e alto poder de realização.

Para o público final, as vendas serão nas duas lojas da Confeitaria Amor e Canela em Joinville e no Posto Príncipe, e também plantão de vendas no Garten Shopping aos finais de semana, conforme endereços abaixo:

Confeitaria Amor e Canela – Joinville

Rua Doutor João Colin, 1.893. Bairro: América. Telefone: (47) 3473-5650
Rua Tenente Antônio João, 859. Bairro: Bom Retiro.

Posto Príncipe

Matriz – Rua Padre Carlos, 315 – Centro. Telefone: (47) 3422-3879

Garten Shopping

Avenida Rolf Wiest, 333 – Bom Retiro. Telefone: (47) 3043-9444

 

 

E aí, o que achou? Deixe seu comentário: